Anúncios

Inscreva-se no meu canal

LIÇÃO 08 - SENDO VERDADEIROS

 

LIÇÃO 8 - SENDO VERDADEIROS 
Texto Áureo: “Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano” (SI 32.2)
Leitura Bíblica em Classe: Mateus 6.1-4

Introdução: Sermos verdadeiros é o que o Senhor mais quer de nós e quem tem temor e tremor diante desse Deus que tudo pode e que tudo vê, só tem a ganhar com isso. A hipocrisia dos fariseus no sentido de dar esmolas, para os leigos e ingênuos era algo muito elogiável, e mal sabiam eles que estes que ostentavam uma falsa religiosidade caridosa agiam por pura ostentação e não por amor ao próximo. Na realidade toda atitude que envolve querer ser visto, é algo considerado pecado diante de Deus, que abomina este tipo de indivíduo. Temos que nos guardar deste tipo de hipocrisia, para que ela não venha reinar em nossa vida, pois é uma pecado que põe em risco a nossa salvação. Mesmo em igrejas há aqueles que quando dão uma oferta, ou o dízimo, fazem questão de mostrar o quanto estão dando e isso é algo que Deus não se agrada, pois agindo assim estão querendo ser vistos por todos os presentes e isso é pecado de ostentação grave.
1. NÃO HÁ GALARDÃO PARA OS QUE BUSCAM A GLÓRIA DOS HOMENS.
Mateus 6.1 – Guardai-vos de fazer a vossa esmola diante dos homens, para serdes vistos por eles; aliás, não tereis galardão junto de vosso Pai, que está nos céus.
A ajuda a alguém necessitado não pode ser praticada visando o louvor dos homens, mas sim aos servos fiéis que visam o galardão que Deus recompensará conforme a sua promessa. Ajudar ou socorrer pessoas, na realidade é um dever que cabe a todos os cristãos, a qual não sendo praticada sem hipocrisia tem a promessa de grande recompensa garantida por Deus. A recompensa será entregue pelo Senhor Jesus na ocasião do arrebatamento da Igreja, quando no seu tribunal, Ele dará aos que fizeram juz a isso. A hipocrisia, principalmente a dos fariseus, se caracteriza por não ter base com qualquer princípio de obediência a Deus, ou mesmo de amor ao homem. O que eles faziam aos pobres e necessitados, não era um ato de misericórdia ou compaixão, mas sim por ostentação, para serem vistos pelos homens e serem louvados por isso. Tanto que não davam esmolas fora das vistas dos homens, pois para serem vistos eles escolhiam lugares como as sinagogas, como também nas ruas movimentadas, para serem observados e aplaudidos, por ingênuos e ignorantes, que não discernem estas atitudes hipócritas. Devemos praticar ações caridosas, mas não para que nos vejam, pois se assim o fizermos, além de não termos qualquer recompensa, ainda estamos indo contra a palavra de Deus. 
2. O GALARDÃO SÓ SERÁ ENTREGUE AOS QUE VISAM A GLÓRIA DE DEUS
Mateus 6.2 – Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.
Quanto aos hipócritas qual foi a recompensa deles? Sendo que usavam as esmolas como forma de obter o favor de Deus e a atenção dos homens. Ambas as formas estavam na direção errada, pois nada disso agrada a Deus. Procuravam angariar elogios e aplausos, o que de alguma forma elevavam o seu ego, porém aos que praticam isso conforme a palavra, a recompensa é algo grandioso que se receberá do Senhor, o qual é o galardão dado por Ele. Por maior que seja a oferta dada a alguém, se não não estiver enquadrada dentro dos preceitos da palavra, não terá qualquer retorno, pois nada pode comprar o favor de Deus. É notório que tem muitos que agem desta maneira totalmente fora da palavra, pois o fazem em função do reconhecimento do homem, porém isso é passageiro e logo esquecido. O que importa para todo o cristão é que os nossos atos benevolentes sejam sempre para a glória e honra do nome do Senhor. 
3. FAÇA NA OBSCURIDADE POIS ELA NÃO LIMITA A VISÃO DE DEUS
Mateus 6.3 – Mas, quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a tua direita, Mateus 6.4 – para que a tua esmola seja dada ocultamente, e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.
Cristo deu exemplos de humildade na atenção com os necessitados, sendo que tudo que fazia visava a glória do Deus Pai. Ele por sua vez exige também dos seus discípulos, os quais dariam seguimento ao seu ministério evangelizador, de terem a mesma qualidade em suas ações. Dar ofertas com a mão direita, sem a esquerda saber, significa, fazer de modo direito, sem qualquer segunda intenção, principalmente de serem vistos pelos homens. Aquele que dá não deve em hipótese alguma ter orgulho do que fez, porque se não for assim, isso aumenta o espírito de orgulho. Quem se orgulha disso na realidade está procurando a aprovação alheia e face da sua atitude supostamente benevolente, o que é contrário aos ensinos de Cristo. O importante e recompensador para nós, é que o Senhor Deus que tudo vê, se agrada do nosso comportamento em relação a isso. Para nós não importa que os nossos atos benevolentes, sejam vistos por qualquer pessoa e devemos evitar isso, pois o que nos importa é que tudo está patente aos olhos de Deus, esse Deus misericordioso que é o galardoador de tudo que fazemos visando agradá-lo. Já no tempo presente já recebemos as bênçãos de Deus quando estamos empenhados em ajudar o próximo, e estas bênçãos são as outorgas de saúde espiritual, que nos anima a estar sempre empenhados nestes propósitos. Quando buscamos o aplauso dos homens estamos agradando a nossa carne, e em decorrência disso o nosso espírito é prejudicado. Quem faz ao próximo, está fazendo para Deus. 

Comentário elaborado exclusivamente pelo texto bíblico da lição.
Pastor Adilson Guilhermel


OS LUGARES PONTILHADOS NESTE MAPA MUNDIAL INDICA ONDE O SITE É VISITADO

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Páginas

BOTÕES SOCIAIS