Anúncios

Inscreva-se no meu canal

Lição 01 - A Autoridade da Bíblia (Publicado)

 LIÇÃO 01 - A AUTORIDADE DA BÍBLIA

Texto Áureo: Bem-aventurados os que trilham caminhos retos e andam na lei do Senhor Sl 119.1

Leitura Bíblica em Classe: Salmos 119.1-8


Introdução: 2 Timóteo 3.16  Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; As Escrituras na sua completude é tão complexa quanto ao Senhor que a criou, sendo sempre vista como uma dádiva divina, pois são escritos sagrados, não dentro de uma ótica literal, mas sim dentro de uma ótica espiritual. A sua compreensão não vem da sabedoria humana, e sim pela sabedoria divina, o qual pelo Espírito Santo, dá inspiração e revelações para a vida cotidiana de cada cristão, como também para o destino de cada um que ouve e obedece o que o Espírito diz à Igreja. 2 Pedro 1.20  Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação. 21 Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.

1. FELIZES SEREMOS ANDANDO COM RETIDÃO E SEGUINDO A PALAVRA. 

Salmos 119.1  BEM-AVENTURADOS os retos em seus caminhos, que andam na lei do Senhor.

A palavra de Deus ensina que o caminho de um cristão não pode ser contaminado, infringindo a lei do Senhor com infrações que o tiram do caminho reto saindo fora da retidão exigida para não entrar no juízo divino. A palavra de Deus é composta de prescrições; mandamentos; preceitos; juízos e decretos que devem estar guardados no coração de cada cristão, para não pecar contra Deus. O conhecimento do cristão e as suas motivações envolve um hábito diário no sentido da sua fidelidade e obediência em guardar e praticar a palavra. A palavra traz felicidade e segurança para todo aquele que a pratica, principalmente com boas obras em favor do próximo. 1 Coríntios 2.13  As quais também falamos, não com palavras de sabedoria humana, mas com as que o Espírito Santo ensina, comparando as coisas espirituais com as espirituais.

2. FELIZES SEREMOS GUARDANDO A PALAVRA SEM PRATICAR PECADOS.

Salmos 119.2  Bem-aventurados os que guardam os seus testemunhos, e que o buscam com todo o coração. Salmos 119.3  E não praticam iniqüidade, mas andam nos seus caminhos.   

O segredo de uma vida feliz para todo o cristão é uma devoção sincera segundo a vontade de Deus, como também andar segundo os seus caminhos em santidade, tendo a Sua palavra inspirada pelo Espírito Santo como o seu manual de conduta. Não se pode esquecer que grande parte de sentir-se feliz depende de servir a outros, com amor e isso acontece quando andamos com o Senhor, à luz da Sua Palavra. Quem assim procede observando os seus preceitos com obediência a ele, seguem um caminho sem culpa e nesse caminho está a nossa felicidade. Quem anda nos caminhos orientados pela palavra de Deus, não praticará a iniquidade, mas será praticante de boas obras voluntariamente. São cristãos que abominam a idolatria, a injustiça e tudo que há de errado ou prejudicial e não são persuadidos por homens malignos. O coração do crente que vive em sinceridade não se sente atraído pelos engodos do mundo, sabendo que pode todas as coisas, mas que nem tudo lhe convém. 1 Coríntios 2.14  Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.


3. NÃO FICAREMOS CONFUNDIDOS QUANDO GUIADOS PELA PALAVRA.

Salmos 119.4  Tu ordenaste os teus mandamentos, para que diligentemente os observassemos. Salmos 119.5  Quem dera que os meus caminhos fossem dirigidos a observar os teus mandamentos. Salmos 119.6  Então não ficaria confundido, atentando eu para todos os teus mandamentos.

As escrituras nos mostram que a vida espiritual não é fácil de seguir observando os mandamentos ordenados pelo Senhor, porém se não houver diligência da parte do cristão em observá-los, certamente essa vida será um fracasso. A salvação para ser mantida é condicional à obediência e observância das escrituras, a qual deve ser guardada e escondida em nosso coração para não pecarmos contra o Senhor.  Nossos caminhos como homens e mulheres espirituais, necessariamente devem ser governados pelos preceitos divinos, pois é um caminho totalmente regulamentado pelos seus preceitos. Se o cristão quiser inventar o seu próprio caminho não dando atenção aos preceitos divinos, certamente entrará num abismo, que chama outro abismo e dificilmente terá condições de sair dessa situação. A salvação que a palavra garante exige de nós um coração constante e cheio de entusiasmo para não nos distrairmos do firme propósito que temos em seguir o caminho da verdade estabelecido por Deus. Quem não é constante nessa caminhada, corre o risco de cair na fé e isso será uma vergonha para si mesmo, como para toda a congregação onde se reúne para os cultos ao Senhor. Mas quem vive a palavra se cometer alguma falha ou erro, não no sentido doloso, mas culposo, a consciência logo o repreende e como tem temor e tremor das coisas de Deus, imediatamente já se arrepende pedindo perdão ao Senhor.   

4. 

Salmos 119.7  Louvar-te-ei com retidão de coração quando tiver aprendido os teus justos juízos. Salmos 119.8  Observarei os teus estatutos; não me desampares totalmente.

O cristão deve ser um bom aprendiz das escrituras sagradas, mas é necessário que ponha em prática tudo aquilo que aprende, pois se assim não for, não tem qualquer progresso na sua caminhada espiritual. As escrituras dentro da sua diversidade é na realidade a fonte originária da nossa salvação, que vem acompanhada de bênçãos e prosperidade espiritual. Todos os estatutos divinos contidos nas escrituras, não devem apenas ser conhecidos, mas sim observados e cumpridos, pois sendo assim podemos contar com toda confiança com o seu amparo e proteção para seguirmos adiante, não como perdedores, mas como vencedores. Nossa vida deve ser um constante aprendizado na palavra de Deus e quanto mais buscamos esse conhecimento vamos nos acertando mais nos seus caminhos. Essa persistência constante é um exercício de fé, pois a fé vem pelo ouvir e o ouvir a palavra de Deus e pela fé ele nos socorrerá e não nos abandonará. 

O comentário é elaborado exclusivamente pelo texto bíblico da lição.

Pastor Adilson Guilhermel


OS LUGARES PONTILHADOS NESTE MAPA MUNDIAL INDICA ONDE O SITE É VISITADO

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Páginas

BOTÕES SOCIAIS